MISCONDUCTERS > BOUNDLESS

Pedro Hewitt
Quando se fala em hiato, descanso, pausa de anos não é com o Misconducters. Um dia desses eu tinha resenhado o 'Hypnopaedia' e acabo recebendo a notícia dias depois que este CD já estava na fábrica.

Bem, como já conhecemos a banda não é pra mais e nem pra menos deles seguirem os padrões desde o início, mas nesse houve mais detalhes do que o material anterior. Incorporou mais influências que vão desde o punk rock old school, do hardcore convencional, pegadas mais alternativas com um pouco de Thrash, bateria bem mais carregada, misturada com as principais características do Misconducters, vocais simples e muito peso. Logo nas primeiras faixas "Pave The Way", "Hunter And Prey" (Faixa destaque) já dá pra se perceber isso, todas recheadas de boas harmonias e que para nossa alegria, o padrão de gravação é o mesmo, aqui cantados com a vontade de sempre do experiente vocalista Denfire. 

E para encerrar, as duas e últimas músicas do álbum, "Plain Conditioning" e ''Lurch'', servem de exemplo de como a banda consegue encaixar diversas influências em seu som. Não tinham medo de arriscar, e todo esse experimentalismo mostra o como eles são gênios nisso que fazem. 

Já conhece?! Apoie. Não comprou o material?! Compre, recomendo. Não conhece a banda?! Trate de ir atrás.